NextBITT apresenta solução de field services que conjuga BIM e realidade aumentada

30 Jan 2020
Partilhar
Facebook LinkedIn Twitter

A empresa portuguesa de soluções de assets e facilities management apresentou a sua solução inovadora na área de field services que utiliza realidade aumentada (RA) e BIM (Building Information Modeling) durante o evento da Microsoft, Building the Future 2020, que decorreu em Lisboa.

O BIM é uma ferramenta avançada da Autodesk usada em modelação 3D e que possibilita uma concepção, desenho, construção e gestão de edifícios e infraestruturas mais inteligente e eficiente. Segundo Miguel Salgueiro, partner da NextBITT, a empresa foi uma das pioneira nesta área ao integrar a tecnologia numa solução de gestão de activos: «Fomos a primeira empresa em Portugal a termos este desafio e, do que temos visto, até a  nível internacional».

O responsável explicou que a novidade já está a ser usada no país «num grande edifício de um grande cliente», o qual ainda não pode divulgar,  mas que «dentro do próximo mês terão mais três clientes internacionais para a solução».

Além da inovação feita com a integração da tecnologia BIM, a nova plataforma tem também uma componente de realidade aumentada, desenvolvida em colaboração com a KIT-AR. Assim, a solução pode ser usada com o headset Hololens da Microsoft ou de outros fabricantes mas a grande disrupção é, de acordo com Miguel Salgueiro, a possibilidade «ser utilizada em qualquer smartphone através da app Android» desenvolvida pela NextBITT.

É por estes motivos que a empresa nacional não tem dúvidas sobre a diferenciação da solução do que existe no mercado. A mesma «permite ao dono do ativo, desde a conceção até ao uso do edifício, ter tudo numa única plataforma aliado a indicadores de gestão sem que o gestor tenha de interromper a sua atividade para ir buscar esse dados». Por outro lado, «possibilita que um técnico entre nesta cadeia e que só com o telemóvel consiga fazer tudo e trabalhar on e offline».

O grande objetivo da empresa é mesmo que «a tecnologia que desenvolvam não seja só focada no asset management mas que acrescente valor», explicou o partner da NexBITT.

Sobre 2019, Miguel Salgueiro disse que o ano em que a empresa comemorou o seu quarto aniversário foi de «consolidação de negócio» e de «projetos maiores para grandes clientes». Sobre a estratégia para o futuro, o executivo salientou que a empresa quer « ser a referência pela maturidade que emprega nos projetos e puxar os clientes para a inovação».

 Fonte da notícia disponível para consulta em: Business IT

Notícias Relacionadas

18 Jan 2023
4 Tendências de gestão de ativos físicos para 2023

Quando entramos em 2022, a indústria de gestão de ativos físi

22 Dez 2022
"As mulheres não devem duvidar das suas capacidades" - Ana Gama, CFO

Com 20 anos de experiência na área de gestão, Ana Gama é form

05 Dez 2022
Nextbitt: a ‘ajuda preciosa’ para a indústria automóvel

A Nextbitt surgiu em 2015 e desde ai que nunca mais parou.

02 Nov 2022
Sabe qual é a pegada de carbono do seu edifício?

A maioria das empresas não sabe qual a eficiência energética

Usamos cookies em nosso site para oferecer suporte a recursos técnicos que melhoram a experiência do utilizador.

Também usamos serviços de análise e publicidade. Para cancelar, clique para obter mais informações.